Existe uma diferença obvia entre se ter um menino ou uma menina. Essa diferença física entre meninos e meninas modifica um pouco os cuidados que você precisa ter na hora de trocar a fralda e dar banho, mas a diferença entre se ter um menino ou uma menina vão muito mais além do que isso. Em ambos os casos é necessário se ter cuidado na higienização das genitais, e é sempre bom tem uma fralda ou toalha por perto na hora de trocar a fralda de um menino, para que ele não faça xixi em você, mas os cuidados básicos com o seu bebê serão, em geral, os mesmos, independentemente do sexo do seu bebê.

Existem estudos que mostram que há uma diferença entre se ter um menino ou uma menina já durante a gravidez. Os hormônios e as calorias necessárias para se gerar um menino são diferente daquelas necessárias para se gerar uma menina, e de acordo com alguns estudos, gerar um menino exige mais do corpo da mãe do que gerar uma menina.

Os meninos também são mais sensíveis, desde antes do nascimento, ao estresse. Tanto o estresse sentido pela mãe durante a gravidez, quando o estresse do ambiente em volta do bebê é sentido de forma mais clara pelos meninos do que pelas meninas. Mas isso não quer dizer que o estresse sentido seja mais prejudicial aos meninos do que às meninas, apenas que eles absorvem o estresse de forma diferente.

O desenvolvimento durante a infância também é diferente. Os hormônios mudam a forma como meninos e meninas interagem com o mundo, meninos parecem está sempre ligados na tomada, com energia infinita e fome também infinita. Eles são mais táteis, e por isso parecem não prestar tanta atenção no que você diz a eles, principalmente quando precisam ser corrigidos. Mas por outro lado, essa necessidade tátil deles também faz com que sejam muito amorosos, querendo beijos e abraços, carinho e colo, pelo menos até chegarem à pré-adolescência.

Esse contato carinhoso é muito importante para o desenvolvimento do seu filho. Ele vai querer e precisar do seu cuidado e apoio por toda a vida, mesmo quando já estiver crescido e não quiser demonstrações de afeto na frente dos amigos. É importante que você encontre um tempinho, nem que seja escondido, para demonstrar o amor que você sente por ele. Um momento só entre vocês dois, sem plateia ou amiguinhos por perto para que ele não se sinta envergonhado ao demonstrar o amor que sente por você. Essa fase também passa, e com o tempo ele não vai mais se importar de ganhar beijos e abraços, mesmo que continue fazendo charme na frente dos amigos.

Os meninos podem ser mais sensíveis quando estão doentes, fazendo mais manha e querendo mais atenção. Mas também são mais corajosos nas brincadeiras, correndo e pulando por todo o lado. Fazem amizade mais fácil e mesmo quando brigam, logo esquecem e estão brincando juntos novamente.

Você, como mãe de menino, será o primeiro amor dele. E você terá que aprender a lidar com o ciúme, tanto seu, quanto dele. Você também será o ideal de mulher dele, e o tratamento que você recebe de seu companheiro, e de seu filho, vão influenciar a forma como ele vê e trata as mulheres.

É importante que você deixe ele fazer coisas por si mesmo, que tenha tarefas para fazer em casa (nem que seja guardar os brinquedos no lugar). E se você também tiver uma filha, procure trata-los o mais igualmente possível, tanto na hora de ajudar nas tarefas em casa quanto mais para frente, ao tratar amigos(as) e namoradas(os) na adolescência.

Ser mãe de menino é precisar conhecer super heróis, concertar carros de brinquedo, encher bolas, aprender sobre insetos e dinossauros. É também ter o amor eterno de um menininho que será para sempre seu bebezinho, mesmo quando ele já tiver mais de 40 anos.

Ser mãe de menino é ajudar a criar o melhor homem do mundo, que respeita as mulheres, os mais velhos, e que é responsável por seus atos. Essa é sua responsabilidade como mãe, ajudar seu filho a crescer e se desenvolver de forma saudável, cercado de amor e de carinho.

A Be Little tem uma linha de roupas feitas pensando especialmente no seu menininho, com roupas confortáveis e cheias de estilo que vão deixar seu filho um verdadeiro príncipe.

Compartilhe com a gente suas dúvidas e histórias sobre ser mãe de menino e receba uma surpresa em seu e-mail!