Nada deixa mais claro que seu bebê está crescendo do que ver o sorriso dele mudar, de um sorriso desdentado para um sorriso de um ou dois dentinhos. Essa é uma daquelas mudanças que acontecem aos poucos, mas que deixam o sorriso do seu bebê ainda mais lindo.

Os primeiros dentinhos, os chamados dentes de leite ou decíduos, acontece por volta dos 6 meses de idade. Mas essa é a média, e os primeiros dentes podem aparecer bem antes disso. 1 em cada 2000 bebês nascem já com um ou até 2 dentes. Esse é um traço genético, então se os seus dentes nasceram cedo, as chances de seu filho ter dentinhos antes dos 6 meses é grande. O mesmo vale para quem teve os primeiros dentes mais tarde. Só comece a se preocupar se nenhum dentinho nasceu se seu filho já completou 1 anos de vida. Se for esse o caso, consulte um pediatra ou dentista infantil.

Os dentes de leite vão aparecendo de dois em dois. Primeiro os dois incisivos de baixo, em seguida os de cima, e daí para trás sempre em pares.

Esse é um processo longo e que pode ser dolorido. Alguns dos sintomas mais comuns são inflamação da gengiva, salivação excessiva, irritabilidade, falta de apetite e problemas para dormir. Você provavelmente vai encontrar febre e diarréia como sintomas da dentição, mas muitos pediatras acreditam que o estresse associado a dentição pode baixar a imunidade do bebê, o que deixa o bebê mais vulnerável a infecções e doenças.

Se você perceber que seu filho demonstrando outros sintomas, ou se a febre for muito alta, vale uma visita ao médico.

A dentição pode causar um grande desconforto. Essa é uma fase em que o bebê vai querer morder tudo o que vê pela frente, seja para tentar coçar a gengiva, ou na tentativa de ajudar o dentinho a romper e aparecer.

Para ajudar a aliviar o incômodo, existem vários métodos, o mais recomendado deles é utilizar mordedores específicos para essa fase. Principalmente mordedores que podem ficar alguns minutos na geladeira, já que o frio ajuda a aliviar a dor. Alimentos gelados como purê de frutas ou iogurt também podem ajudar a aliviar os sintomas.

Se você perceber que a dor é muito forte, pode administrar a dose recomendada de um analgésico infantil, sempre seguindo as recomendações dos médicos. Se os sintomas continuarem, ou aumentarem, leve seu filho ao médico, pois podem ser sintomas de alguma outra coisa.

Existem também pomadas analgésicas, mas o uso delas não deve ser feito sem aconselhamento médico. Um dos problemas do usa destas pomadas é que, com a salivação, a pomada não vai ficar só no lugar necessário, e o bebê pode engolir um pouco da pomada, o que pode causar um amortecimento da garganta, isso pode causar uma sensação ruim, engasgo e dificuldades de engolir.

Com o nascimento dos dentinhos, vem uma nova preocupação: as cáries. Durante o primeiro ano de vida não é necessário escovar de verdade os dentinhos dele. Mantê-los limpos já é suficiente para evitar as cáries. Para isso, utilize uma fraldinha ou gaze nos dentinhos pelo menos uma vez por dia. Tente colocar isso na rotina do seu filho, assim ele já vai se acostumando com a necessidade de escovar os dentes.

Tente colocar a limpeza dos dentes na rotina de antes de ir dormir. Se seu filho está acostumado a dormir mamando, procure adiantar um pouco a mamadeira e limpe os dentinhos dele antes de colocá-lo na cama.

A partir de 1 anos de idade, você pode começar a escovar os dentinhos do seu filho. Use uma escova apropriada para crianças, macia e com uma quantidade pequena de pasta de dente, também apropriada para crianças. Você não precisa se preocupar em escovar os dentinhos em uma direção específica, até porque, manter a criança parada nesse momento nem sempre é fácil. Dar uma escova extra para que ela mesma brinque de escovar os dentes pode ajudar a criar essa rotina como algo divertido além de necessário.

A quantidade de pasta de dente não deve ser maior que um grão de arroz, as crianças pequenas podem engolir um pouco da pasta, que contém flúor, o excesso de flúor no organismo pode causar uma condição chamada fluorose, que causa manchas nos dentes. As pastas de dente infantis já possuem uma quantidade menor de flúor do que as dos adultos, mas mesmo assim é bom tomar cuidado.

Até os 3 anos de vida, seu filho já deve ter todos os 20 dentes de leite. Ele vai continuar com estes dentes até que os dentes permanentes estejam prontos para nascer, o que começa a acontecer por volta dos 6 anos.

O nascimento dos dentinhos de leite é mais um marco no desenvolvimento do bebê. É um sinal obvio de que seu filho está crescendo. Um dia ele está te dando um sorriso desdentado e na semana seguinte um dente aparece. Aproveite todas as fases do crescimento do seu filho, tire muitas fotos e curta todos estes momentos. Aproveite também, que os dentinhos estão nascendo, para tentar novas texturas de alimentos, assim você também vai expandindo aos poucos o paladar do seu filho.

A Be Little quer fazer parte da história do seu bebê. Para isso criamos babadores com uma película impermeável que ajuda a manter a roupinha do bebê limpa por mais tempo. Utilize o código babador e ganhe 10% de desconto na compra de qualquer produto da categoria.