A Páscoa está chegando, e você se vê cercada de chocolates por todos os lados. Em qualquer lugar que você vá, tem chocolates expostos, e seu filho com certeza já viu um daqueles ovos embrulhados em papel super colorido e pediu um deles para você. O primeiro impacto da pascoa nas crianças é, com certeza, os embrulhos coloridos e as promessas de brinquedos, mas existem vários fatores que devem ser considerados antes de escolher o que dar ao seu filho nessa páscoa.

O primeiro destes fatores deve ser a saúde do seu filho. Apesar de possuir, sim, nutrientes e minerais benéficos para a saúde, pediatras e nutricionistas afirmam que crianças abaixo de 1 ano não devem consumir nenhum alimento que contenha chocolate. Já que o sistema digestivo do bebê ainda está se desenvolvendo, e precisa se acostumar com outros tipos de alimento antes de conseguir processar a quantidade de açúcar e gordura encontrado no chocolate.

Mas mesmo para as crianças acima de 1 ano, o chocolate não deve ser colocado na dieta diária do seu filho. Em grandes quantidades, o chocolate pode causar diarreia e vomito, além de poder causar hiperatividade nas crianças e dificuldade na hora de dormir.

Deve-se levar em conta também, que muitos chocolates possuem outros tipos de substancias, como amendoim, avelã, nozes e outros tipos de ingredientes que podem causar reações alérgicas, então preste atenção nas reações do seu filho, principalmente quando for a primeira vez que você oferece um novo tipo de chocolate.

Se seu filho é diabético ou possui intolerância a lactose, você deve tomar ainda mais cuidado na hora de oferecer chocolate ao seu filho. Hoje já existem marcas que oferecem opções de chocolate diet ou sem lactose, mas mesmo estes alimentos devem ser consumidos com moderação.

Existem algumas divergências sobre qual o melhor chocolate para se oferecer às crianças. O chocolate branco não possui cacau, que é estimulante e pode causar problemas de hiperatividade e de falta de sono, mas é mais gorduroso e possui uma quantidade de açúcar muito maior do que os outros tipos de chocolate.

Por outro lado, o chocolate meio amargo possui uma porcentagem maior de cacau, que além de estimulante também possui antioxidantes, vitaminas e minerais, mas tem menos leite e açúcar, sendo muitas vezes considerado a opção mais saudável.

Ou seja, vale conversar com seu pediatra e descobrir qual a melhor opção para o seu filho. O maior problema a partir dos 3 anos é o exagero. Não é necessário dar chocolate todos os dias ao seu filho, assim como não é necessário proibir ele de comer o doce. Vale cuidar do exagero e escolher as melhores opções para a saúde do seu filhote.

E se você perceber que a atenção dele ao ver um ovo de páscoa é apenas o brinquedo, vale encontrar um brinquedo similar e deixar o chocolate de lado. O mais importante é comemorar a páscoa com seu filho e com seus familiares, afinal, a páscoa é um feriado familiar e estar junto daqueles que amamos é com certeza o mais importante.

Pensando na páscoa, a Be Little criou alguns modelinhos que vão deixar seu filho ainda mais fofinho e nesse feriado. Temos conjuntinhos e macacões com estampa de coelho assim como pijamas super confortáveis cheios de coelhinhos e que seu filho com certeza vai amar! E que vão deixar ele ainda mais bonitinho! Dê uma olhada na nossa seleção especial para a páscoa e aproveite!